CartaExpressa,Política

‘A necropolítica de Bolsonaro constitui um crime contra a Humanidade’

‘A necropolítica de Bolsonaro constitui um crime contra a Humanidade’

Presidente brasileiro foi alvo de críticas no Parlamento Europeu, que organizou um debate para discutir a pandemia

Foto: EVARISTO SA / AFP

Foto: EVARISTO SA / AFP

O presidente Jair Bolsonaro foi alvo de críticas nesta quinta-feira 29 no Parlamento Europeu, que organizou um debate para discutir a pandemia do novo coronavírus na América Latina.

“Por ação ou omissão, a necropolítica de Bolsonaro constitui um crime contra a Humanidade que deve ser investigado”, afirmou o eurodeputado espanhol Miguel Urbán, membro do Podemos, que faz parte do Bloco de Esquerda do Parlamento Europeu.

O objetivo era discutir o impacto da pandemia e as possibilidades de ajuda da União Europeia.

Para a portuguesa Isabel Santos, do grupo social-democrata, a situação no Brasil é mais difícil por causa do “irracional negacionismo de Bolsonaro”.

“Não é um erro, e sim uma irresponsabilidade deliberada”, disse.

 

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem