Artigo

assine e leia

Fim do vale-tudo

A criminalização do cyberbullying é fundamental para a construção de um ambiente digital saudável para os usuários

A intimidação sistemática de menores de 18 anos agora é crime inafiançável – Imagem: iStockphoto
Apoie Siga-nos no

Toda vez que tratamos do tema relacionado à responsabilidade nas redes, é comum surgir a dúvida sobre qual é o limite da liberdade de expressão? A lei determina que todo exercício de direito que exceder os limites da boa-fé e dos bons costumes está sujeito a indenizar pelo dano causado. Ou seja, em plena sociedade da informação, somos regidos por valores éticos que podem ser monetizados. Se o resultado alcançado tiver um valor superior ao da punição aplicada, pode valer a pena infringir a lei. E esta lógica distorcida foi completamente amplificada com o fenômeno das mídias sociais, principalmente com o uso de algoritmos e hashtags.

Dependendo do caso, a internet valoriza muito quem causa polêmica, humilha, ofende, discrimina, trazendo resultados que são convertidos em fama e dinheiro, em detrimento daqueles que respeitam as leis, são moderados e cautelosos. Isso porque a audiência, por algum motivo, não apenas procura, no sentido de ir atrás da informação, mas também é procurada, quando há um impulsionamento de um conteúdo pago ou escolhido pelo próprio algoritmo, considerando o perfil e os interesses da rede.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Os Brasis divididos pelo bolsonarismo vivem, pensam e se informam em universos paralelos. A vitória de Lula nos dá, finalmente, perspectivas de retomada da vida em um país minimamente normal. Essa reconstrução, porém, será difícil e demorada. E seu apoio, leitor, é ainda mais fundamental.

Portanto, se você é daqueles brasileiros que ainda valorizam e acreditam no bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo