Você está aqui: Página Inicial / Sociedade / Rio 2016: Imagens do dia 9 de agosto

Sociedade

Jogos Olímpicos

Rio 2016: Imagens do dia 9 de agosto

por Redação — publicado 09/08/2016 16h00, última modificação 09/08/2016 20h04
As cenas que marcaram as competições nesta terça-feira
Roberto Castro/Brasil 2016
Mariana-Silva

A judoca Mariana Silva foi uma grata surpresa nas Olimpíadas. Era considerada carta fora do baralho, mas chegou à semifinal. Perdeu o bronze para a holandesa Anicka vam Emden hoje à tarde. Lutou bravamente

Nesta terça-feira 9, a celeuma dos protestos políticos em arenas esportivas promete movimentar os tribunais do País.

Nos últimos dias, torcedores foram expulsos dos estádios depois de exibirem cartazes e camisetas pedindo a saída do presidente interino Michel Temer (PMDB), mas o juiz federal João Augusto Carneiro Araújo acatou pedido do Ministério Público Federal e concedeu liminar proibindo a repressão.

O Comitê Organizador da Rio 2016 promete recorrer da decisão, mas informou que vai respeitar a liminar enquanto não houver mudança. 

Confira outras cenas que marcaram este dia de competições:

Fora Temer

De nada adiantaram as ameaças do comitê organizador da Rio 2016. Com os protestos políticos liberados por decisão judicial, torcedores ignoraram a censura e ergueram faixas contra o presidente interino Michel Temer durante a partida entre Canadá e Alemanha, pelo torneio feminino de futebol, no estádio Mané Garrincha, em Brasília (Foto: Evaristo Sa/AFP)

 

Joanna Maranhão

A nadadora pernambucana Joanna Maranhão não tem medo dos ataques da porção machista, racista e homofóbica do País. Ontem, após ficar fora da semifinal dos 200m medley por cinco centésimos, ela sofreu uma enxurrada de ataques criminosos nas redes sociais, incluindo manifestações repugnantes sobre o fato de ela ter sido estuprada na infância. Nesta terça-feira 9, após ser eliminada na fase classificatória dos 200 metros borboleta, Joanna desabafou. Chorando muito, mas sem fraquejar, atacou a cultura machista e solidarizou-se com a judoca medalha de outo Rafaela Silva, alvo de seguidos ataques racistas quando foi desclassificada da Londres 2012 (Martin Bureau/AFP)

 

Basquete

Após a derrota para a Lituânia na estreia, a seleção brasileira masculina de basquete bateu a Espanha, atual campeã europeia, a 5 segundos do fim da partida (Ministério do Esporte)

 

Ruy FonsecaO cavaleiro brasileiro Ruy Fonseca, de 43 anos, levou um tombo e ficou fora do pódio no concurso completo de equitação. Fonseca foi ao chão após seu cavalo, Tom Bambadill Too, refugar no oitavo obstáculo (Imagens: John MacDougall/AFP e Reprodução/Globo.esporte)

 

Pernalba

Em sua segunda luta no judô, o brasileiro Victor Penalber foi derrotado por Sergiui Toma, dos Emirados Árabes Unidos, e está fora da Rio 2016 (Foto: Roberto Castro/Brasil 2016)

 

A judoca Rafaela Silva, que conquistou a primeira medalha de ouro para o Brasil na Rio 2016, após conceder entrevista coletiva nesta terça-feira

A judoca Rafaela Silva, que conquistou a primeira medalha de ouro para o Brasil na Rio 2016, após conceder entrevista coletiva nesta terça. Rafaela derrotou a mongol Sumiya Dorjsuren, na categoria de até 57 kg (Foto: Francisco Medeiros/ME)