Você está aqui: Página Inicial / Sociedade / Uma campanha contra a mineração química

Sociedade

Argentina

Uma campanha contra a mineração química

por Redação Carta Capital — publicado 24/03/2011 09h48, última modificação 24/03/2011 10h00
Em vídeo que só circula no Youtube, atores falam sobre os riscos da mega exploração principalmente de urânio e plutônio e as consequências de contaminação da água e na vida

Está circulando na internet uma propaganda argentina contra a mineração química de autoria da ONG Consciência Solidária. Atores famosos no país falam sobre os riscos do atual modelo de mega exploração, principalmente de urânio e plutônio e as consequências de contaminação na água e na vida.

Além disso, ressaltam a poluição do ar pelas partículas tóxicas liberadas por explosivos utilizados para abrir enorme crateras de onde vão sair poucas gramas de ouro.

Ao final afirmam, "água e vida não se negocia".

registrado em: