Você está aqui: Página Inicial / Saúde / Soldado americano recupera braços em raro transplante

Saúde

Saúde

Soldado americano recupera braços em raro transplante

por AFP — publicado 29/01/2013 10h04, última modificação 29/01/2013 10h04
Em uma cirurgia rara, realizada nos EUA, um soldado americano que perdeu os membros inferiores e superiores no Iraque teve dois braços transplantados de forma bem-sucedida, em dezembro

WASHINGTON (AFP) - Um soldado americano que combatia no Iraque se envolveu em uma explosão, em 2009, e perdeu os membros inferiores e superiores no acidente. Agora, graças a uma rara cirurgia realizada em dezembro, no Hospital Johns Hopkins, nos Estados Unidos, o soldado  teve os braços transplantados em uma operação bem-sucedida.

O soldado, que teve a identidade mantida em sigilo, é uma das sete pessoas nos Estados Unidos que conseguiram fazer um transplante com estas características, acrescentou o hospital universitário na segunda-feira 28.

O soldado recebeu os braços de um doador falecido durante uma cirurgia, em dezembro, e o procedimento foi seguido de um inovador tratamento para evitar a rejeição do organismo aos novos membros.

Segundo o hospital, o tratamento implica em transplantar células da medula óssea do doador, o que permite reduzir os tratamentos anti-rejeição que podem causar complicações, inclusive infecções.

Para este transplante duplo de membros superiores, os cirurgiões uniram ossos, vasos sanguíneos, músculos, tendões, nervos e pele do receptor aos do doador.

O paciente também aceitou participar de um estudo sobre este novo tratamento contra a rejeição, patrocinado pelo Instituto das Forças Armadas para a Medicina Regenerativa (AFIRM, na sigla em inglês) dos Estados Unidos.

O primeiro transplante mundial de dois braços foi realizado em 2008 na Alemanha.

registrado em: