Você está aqui: Página Inicial / Revista / Assim caminha o Brasil / Cynara Menezes lança coletânea de artigos
Número 875,

Cultura

Livro

Cynara Menezes lança coletânea de artigos

por Redação — publicado 09/11/2015 17h02
Com prefácio de Jean Wyllys, a obra Zen Socialismo, da ex-jornalista de CartaCapital, reúne seus principais textos contra o conservadorismo
Facebook Cynara Menezes
cynara

A jornalista mantém o blog Socialista Morena, onde foram publicados os artigos

As palavras são as armas de mobilização de Cynara Menezes, uma jornalista no coração das trevas brasileiras. E seu blog Socialista Morena, em homenagem ao pensamento de Darcy Ribeiro, é o campo onde ela exercita o combate.

No livro Zen Socialismo (Geração Editorial - 240 págs., R$ 34,90), lançado agora, a autora reúne os melhores posts de sua escrita nítida contra o totalitarismo, seja ele político, seja ele de pensamento ou ação (e é uma pena que o formato impresso exclua seu constante diálogo com os leitores virtuais).

Cynara, que foi jornalista de CartaCapital em Brasília até o ano passado, é favorável à legalização da maconha, assim como advoga a liberação do homem da “trava afetiva” em que sua educação foi baseada. Reivindica a aceitação natural da homossexualidade, assim como quer os pelos pubianos livres da depilação dita higiênica.

Aponta a necessidade de um Estado laico, enquanto prega “respeitar o próximo como a ti mesmo (não precisa amar, respeitar está de bom tamanho)”. Cynara entende que “não ter o dinheiro como norte” seja o primeiro entre os 12 mandamentos do esquerdista moderno. “Ser socialista não é propriedade da esquerda”, constata, em adesão ao poeta Carlos Drummond de Andrade.

E equivale seu provocativo “zen socialismo” a uma luta gradual: “Vou colocando meu grãozinho de areia contra o capitalismo e assim vamos crescendo e ganhando batalhas”. As conversas de Georges Simenon com Leon Trotski e de H.G. Wells com Lenin estão traduzidas na seção Entrevistas, assim como ali a autora inclui seus diálogos com os cubanos Leonardo Padura e Yoani Sánchez


* Em São Paulo o lançamento será na terça-feira, na Livraria Cultura (informações abaixo).

lançamento-cynara