Você está aqui: Página Inicial / Revista / A misteriosa ascensão da Friboi / Chantagem cibernética
Número 803,

Tecnologia

Software

Chantagem cibernética

por Felipe Marra Mendonça publicado 14/06/2014 13h18
A nova agência britânica de combate ao crime alerta contra software que exige resgate. Por Felipe Marra Mendonça
Divulgação
National Crime Agency

A Agência Nacional do Crime é o FBI do Reino Unido

A Agência Nacional do Crime (NCA) foi criada no Reino Unido em outubro de 2013 nos moldes do FBI, responsável por lidar com o policiamento de fronteiras, exploração infantil, crimes organizado, econômico e cibernético. O último tipo parece ser a predileção da agência, já que sua primeira captura naquele mesmo mês foi um homem responsável por roubar mais de 700 mil libras esterlinas (perto de 2,7 milhões de reais) de clientes de diferentes bancos britânicos ao interceptar seus acessos aos serviços de home banking.

Na terça-feira 3, a NCA ganhou as manchetes da Grã-Bretanha ao anunciar de modo relativamente sensacionalista que os usuários britânicos tinham duas semanas para “se proteger contra softwares maliciosos que poderiam custar milhões ao Reino Unido”, segundo comunicado divulgado pela própria agência. A ação dava ao público “a oportunidade para se resguardar” contra a ameaça ao enfraquecer uma rede global de computadores infectados em conjunto com o FBI, alardeou a instituição.

O motivo do anúncio foram dois programas malware criados por um hacker russo que, se baixados num computador, poderiam expor informações sensíveis como senhas de contas online. Um deles, o GOZeuS, infecta um computador quando o usuário incauto o baixa ao abrir um e-mail falso. Ele dá aos hackers acessos às informações contidas no aparelho. Se esse programa não encontrar nada de interesse, um segundo programa chamado de CryptoLocker trava o computador e mostra um relógio com uma contagem regressiva. A ameaça é de que todo o conteúdo do disco rígido seja apagado caso o usuário não pague um “resgate” de 1 bitcoin, que hoje vale algo em torno de 1,5 mil reais.

O problema pode afetar qualquer computador com sistema Windows, livrando os usuários de Linux, Chrome OS ou Mac OS. A NCA estima que perto de 15 mil computadores no Reino Unido tenham sido infectados pelos programas, com outros milhares espalhados ao redor do mundo. A recomendação principal é atualizar o sistema e verificar uma possível infecção pelo site www.getsafeonline.org – processo tedioso, mas bem melhor do que perder tudo para um hacker qualquer.

registrado em: