Você está aqui: Página Inicial / Política / 14 cidades estão em emergência

Política

Chuvas em Santa Catarina

14 cidades estão em emergência

por Agência Brasil publicado 07/09/2011 10h15, última modificação 09/09/2011 10h26
Defesa Civil afirma que 62 municípios foram afetados. Um homem de 66 anos morreu quando o telhado que consertava desabou

Por Lúcia Nórcio

Sobe para 14 o número de municípios em estado de emergência devido à chuva que atinge Santa Catarina. Segundo o último boletim da Defesa Civil, divulgado na manhã de hoje 9, 551.772 pessoas foram afetadas até agora, em 62 municípios. Um homem de 66 anos, de Guabiruba, morreu quando o telhado que consertava desabou.

A situação é mais crítica nas cidades do Alto Vale do Itajaí, onde o nível do Rio Itajaí-Açu atingiu 12,40 metros nesta manhã. A previsão da Defesa Civil é que chegue a 12,80 metros nas próximas horas.

O coordenador da Defesa Civil de Itajaí, Everlei Pereira, disse à Agência Brasil que, diante da gravidade da situação, acredita que a chuva deve atingir 80% das regiões de Brusque, Blumenau e do Alto Vale do Itajaí, a mesma porcentagem afetada na enchente de 2008. Em Itajaí, cerca de 2 mil pessoas já deixaram suas casas e estão abrigadas em igrejas, escolas e clubes.

“Apesar da trégua que a chuva deu agora pela manhã, o volume de água acumulado nas últimas horas é muito grande. Em Itajaí, o acumulado chega a 150 milímetros e por estar localizado no final da bacia hidrográfica deve receber toda a água do vale nas próximas horas. Estamos com vários pontos ribeirinhos em estado de emergência.”

A Defesa Civil lembra aos moradores da região que, durante as enchentes de 2008, os imóveis ficaram submersos a 2 metros. Portanto, mantém alerta, desde a noite de ontem (8), orientando os moradores que retirem tudo o que puderem de suas casas. “Quem foi atingido em 2008, com a água chegando a 1 metro, deve levantar os móveis e sair de casa na manhã desta sexta-feira”, avisou o coordenador.

O Serviço Municipal de Água, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) informa que vai interromper o fornecimento de água a partir das 10 horas. A qualidade da água que está chegando é imprópria para o consumo. A orientação é que a população racione a água e a armazene em garrafas e baldes.

Além disso, o governo de Santa Catarina suspendeu as aulas em todas as escolas estaduais devido às cheias de rios e ribeirões. A maioria das escolas do Vale do Itajaí está servindo de abrigo para as pessoas que tiveram que deixar as casas nas últimas horas.

A Polícia Rodoviária Federal recomenda cautela aos motoristas que vão trafegar pelas BRs 470, 282, 280, 116 e 101, pois devido ao volume de chuva, existem quedas de barreira em vários pontos e risco iminente de obstrução de pistas.

Segundo o Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (Epagri), a chuva diminuiu, mas o estado deve permanecer em alerta. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) prevê um dia parcialmente nublado com pancadas de chuva no leste e norte. Nas demais regiões catarinenses, há possibilidade de chuva em áreas isoladas.

*Matéria publicada originalmente em Agência Brasil

registrado em: