Você está aqui: Página Inicial / Política / Quem paga a conta do caso Palocci?

Política

Sob suspeita

Quem paga a conta do caso Palocci?

por Sergio Lirio publicado 25/05/2011 14h47, última modificação 25/05/2011 19h50
Por enquanto, o meio ambiente e as liberdades individuais. Por Sergio Lirio
Caso Palocci: quem paga a conta?

O ministro da Casa Civil, Antonio Palocci

Cômico: para manter firme um “raro elemento de racionalidade” em Brasília, segundo definição de Antonio Palocci feita por uma certa revista, a presidenta Dilma Rousseff viu-se obrigada a ceder a todo tipo de irracionalidade.

Ontem à noite, não só foi , como teve de aguentar graçolas de um aliado (aliado?), o deputado peemedebista Henrique Eduardo Alves. “Eu sou o governo”, afirmou o parlamentar ao cabo da decisão que alterou o código a favor da tese dos ruralistas e em meio a um discurso sobre a autonomia do Congresso (desde quando Alves se preocupa com isso?).

Hoje, noticiam os portais na internet, em troca do apoio das bancadas religiosas contra uma CPI que pretende investigar o súbito enriquecimento do ministro da Casa Civil, o Palácio do Planalto decidiu não mais distribuir o chamado “kit gay”, um material didático cujo objetivo era combater o preconceito nas escolas.

Segundo o secretário-geral da Presidência, Gilberto Carvalho, o governo concluiu não ser “prudente” editar o material neste momento.
Moral da história: para salvar Palocci, o governo se alia até a Jair Bolsonaro.

registrado em: ,