Você está aqui: Página Inicial / Política / Queiroz, Jatene, Perillo e Vilela lideram nas pesquisas estaduais

Política

Segundo turno

Queiroz, Jatene, Perillo e Vilela lideram nas pesquisas estaduais

por Redação Carta Capital — publicado 30/10/2010 16h19, última modificação 31/10/2010 16h29
Amostras deste sábado apontam para vitórias tranquilas no DF, PA e GO. Em Alagoas, concorrentes estão empatados

Amostras deste sábado apontam para vitórias tranquilas no DF, PA e GO. Em Alagoas, concorrentes estão empatados

Foram divulgadas as pesquisas eleitorais para o segundo turno de diversos Estados brasileiro neste sábado 30. Veja abaixo a situação do Pará, Distrito Federal, Goiás e Alagoas.

Pará

O tucano Simão Jatene manteve boa vantagem sobre a petista Ana Júlia na pesquisa Ibope/TV Liberal. Jatene aparece com 59% e Ana Júlia com 41% dos votos válidos. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. A pesquisa foi realizada com 812 eleitores em 41 município paraenses entre os dias 28 e 29 de outubro.

Distrito Federal

O petista Agnelo Queiroz continua a frente da ex-primeira dama Weslian Roriz (PSC) no levantamento divulgado pelo CB Data. Agnelo está com 59% enquanto Weslian aparece com 41%. A margem de erro é de três pontos percentuais. Foram entrevistados 1,1 mil eleitores entre os dias 29 e 29 de outubro.

A pesquisa Datafolha deste sábado mostra uma vantagem ainda maior para o petista, que registra 64% dos votos válidos contra 36% de Roriz. Foram ouvidos 1.580 eleitores entre os dias 29 e 30 de outubro. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Já na pesquisa Ibope/Globo/Estadão divulgada também neste sábado, Queiroz aparece com 63% contra 37% de Roriz. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. Foram feitas 2002 entrevistas entre 28 e 30 de outubro.

Goiás

Marconi Perillo (PSDB) aparece na frente da concorrente Iris Rezende (PMDB) no levantamento divulgado pelo instituto Serpes encomendada pelo jornal O Popular. Perillo registra 51,9% contra 43,6% de Rezende. A margem de erro é de 3 pontos percentuais. Foram entrevistados 1.001 eleitores entre os dias 26 e 29 de outubro.

Alagoas

O Estado é o único com disputa ainda indefinida. O governador tucano Teotônio Vilela Filho tenta a reeleição contra o ex-governador Ronaldo Lessa (PDT). Vilela aparece 48% e Lessa com 45%, como a margem de erro é de 3 pontos percentuais, a pesquisa registra um empate técnico. O ex-presidente Fernando Collor, que caiu no primeiro turno, apóia Lessa no segundo. Foram entrevistados 812 eleitores entre os dias 27 e 30 de outubro.