Você está aqui: Página Inicial / Política / Patrus ataca, mas Lacerda segue favorito para reeleição no primeiro turno

Política

Eleições 2012 - Belo Horizonte

Patrus ataca, mas Lacerda segue favorito para reeleição no primeiro turno

por Fernando Vives — publicado 02/10/2012 13h27, última modificação 02/10/2012 13h27
Candidato petista tenta desconstruir o atual prefeito, eleito em 2008 com o apoio do PT e do PSDB
marcio lacerda

O atual prefeito Marcio Lacerda (PSB) seria reeleito em primeiro turno se a eleição fosse hoje. Foto: Antonio Cruz/Abr

Quando ficou claro que PT e PSB desmanchariam a aliança que os unia há muitas eleições, o PT mineiro foi o primeiro a comemorar.  O motivo: a esquerda pero no mucho do pessebista Marcio Lacerda, o atual prefeito de Belo Horizonte. Ele foi eleito em 2008 com o apoio envergonhado do PT local, a benção de Lula e a ligação estreita com o ex-governador Aécio Neves (PSDB). Foi um raro momento político em que PT e PSDB estiveram no mesmo palanque, e isso na capital do estado que representa o segundo colégio eleitoral do País.

O ex-prefeito Patrus Ananias é o candidato petista e partiu para o ataque desde o começo da campanha. Até o início desta última semana antes do pleito, no entanto, ainda sem muita perspectiva. Segundo todos os institutos de pesquisa, Lacerda tem tudo para vencer no primeiro turno -- acrescente-se a peculiaridade de que a eleição belorizontina já é bipolarizada logo no primeiro turno, sem um terceiro candidato de envergadura política capaz de disputar o cargo para valer. Os ataques de Ananias a Lacerda tentaram esquentar o tom morno da campanha, mas o pessebista pouco caiu nas pesquisas.

O petista já contou com a participação de Dilma Rousseff na propaganda e resgatou o ex-prefeito Fernando Pimentel, atual ministro do Desenvolvimento, que teve sua gestão bem avaliada. Até o momento, de forma inócua. Lacerda chegou a ironizar as aparições de Lula na campanha eleitoral. “Às vezes eu temo que as pessoas acharem que Lula é o candidato a prefeito", disse. Em resposta, o petista declarou que Lacerda “preferiu o PSDB” e que quer “acabar com o PT.”

Patrus Ananias se apega ao cenário das eleições 2008, quando na última semana Marcio Lacerda caiu nas pesquisas e acabou disputando o segundo turno com Leonardo Quintão (PMDB). Na disputa deste ano, outros candidatos aparecem com pontuação irrelevante nas pesquisas. Vanessa Portugal (PSTU) é a terceira colocada no último Datafolha, com 2% dos votos. Alfredo Flister (PHS), Maria da Consolação (PSOL) e Tadeu Martins (PPL) aparecem com menos de 1%.

registrado em: