Você está aqui: Página Inicial / Política / Antonio Palocci multiplicou seu patrimônio por 20 em quatro anos

Política

Enriquecimento

Antonio Palocci multiplicou seu patrimônio por 20 em quatro anos

por Redação Carta Capital — publicado 15/05/2011 16h02, última modificação 16/05/2011 10h42
De acordo com a Folha de S.Paulo, o ministro da Casa Civil adquiriu dois imóveis que somam cerca de 7,5 milhões de reais. Em 2006, ele declarou à Justiça Eleitoral possuir 375 mil reais em bens

O ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, multiplicou por 20 seu patrimônio pessoal em quatro anos. De acordo com reportagem publicada hoje no jornal Folha de S. Paulo, Palocci comprou um apartamento de luxo na capital paulista em novembro de 2010 por 6,6 milhões de reais. No ano anterior, o ministro já havia adquirido um escritório em São Paulo por 882 mil reais. O valor dessas aquisições, quase 7,5 milhões de reais, é 20 vezes maior que o patrimônio declarado pelo petista nas eleições de 2006.

A evolução do patrimônio do ministro aconteceu durante o período em que ele esteve na Câmara dos Deputados. Em 2006, época em que Palocci se elegeu deputado federal, seu patrimônio declarado era de 375 mil reais. Este valor correspondia a uma casa em Ribeirão Preto, um terreno e três carros. Nos quatro anos em que exerceu mandato de deputado, Palocci recebeu 974 mil reais brutos em salário. A quantia é insuficiente para pagar os imóveis adquiridos. Documentos apresentados pela Folha revelam ambos foram quitados.

Palocci afirmou à reportagem da Folha que os dois imóveis estão registrados em nome da empresa Projeto Administração de Imóveis, da qual ele é dono. Palocci afirma que os bens foram comprados com recursos que a companhia recebeu no período em que atuou como uma consultoria. Em nota enviada por sua assessoria de imprensa, ele também informou ter declarado os bens adquiridos à Comissão de Ética Pública da Presidência da República.

registrado em: ,