Você está aqui: Página Inicial / Política / Pagot pede exoneração

Política

Faxina

Pagot pede exoneração

por Agência Brasil publicado 25/07/2011 14h06, última modificação 25/07/2011 15h12
Após denúncias de corrupção no Ministério dos Transportes, o diretor-geral do Dnit cancela férias e pede desligamento

Por Yara Aquino e Roberta Lopes*

Brasília - O diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre (Dnit), Luiz Antonio Pagot, pediu desligamento do cargo. Ele estava de férias, até então, e comunicou a exoneração na manhã de segunda-feira 25 ao ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos.

O comunicado de Pagot foi entregue ao ministro por meio de um representante e, no mesmo documento, Pagot pediu o cancelamento de suas férias, programadas até 4 de agosto. Ele estava afastado do cargo desde que a revista Veja publicou denúncias de pagamento de propinas, envolvendo o diretor-geral.

Mais cedo, Pagot esteve no Dnit para se despedir dos funcionários e agradecê-los pelo trabalho, durante o período em que esteve na direção do órgão.

As denúncias envolvendo os Transportes provocou a saída do ex-ministro Alfredo Nascimento, que pediu demissão e resultou em uma série de pedidos de demissão e exonerações no ministério, no Dnit e na Valec – Engenharia, Construções e Ferrovias S.A, estatal que cuida das obras de infraestrutura ferroviária.

*Publicado originalmente em Agência Brasil.

registrado em: