Você está aqui: Página Inicial / Política / Os balões de ensaio para o Banco Central

Política

Os balões de ensaio para o Banco Central

por Brasilianas.org — publicado 23/11/2010 12h22, última modificação 24/11/2010 09h21
O BC é para funcionários de carreira, operadores interessados em alavancar sua carreira profissional, ou então economistas seniores com respeitabilidade além da planilha

Por Luis Nassiff

Há uma ampla falta de conhecimento sobre realidade de mercado bancário nas especulações sobre o novo presidente do Banco Central.

Fábio Barbosa e Luiz Trabucco jamais aceitariam uma indicação porque são grandes demais para o cargo. O cargo jamais seria oferecido a Otávio de Barros porque seria grande demais para o indicado.

Os dois primeiros são dos mais influentes executivos de banco em atividade - presidem dois dos três maiores bancos comerciais brasileiros. Jamais abandonariam sua carreira, no auge, pelo BC.

O BC é para funcionários de carreira, operadores interessados em alavancar sua carreira profissional, como futuros gestores, ou então economistas seniores, com respeitabilidade além da planilha.

Henrique Meirelles aceitou por estar aposentado.

Posto isto, restam como favoritos o diretor Alexandre Tombini e o Secretário de Política Econômica Nelson Barbosa. Há outros nomes com experiência no mercado e visão pragmática de política monetária que poderiam enriquecer a equipe.

registrado em: