Você está aqui: Página Inicial / Política / Obama cancela discurso na Cinelândia

Política

Visita

Obama cancela discurso na Cinelândia

por Redação Carta Capital — publicado 18/03/2011 10h00, última modificação 18/03/2011 16h09
Uma das possibilidades para o cancelamento é a segurança. O receio aumentou depois da decisão de autorizar uma ação militar na Líbia. Da Redação

A vinda do presidente americano Barack Obama está cheia de expectativas quanto aos possíveis resultados da viagem: as relações comerciais, o pré-sal, a comunidade negra, sobre mais consenso sobre a participação dos dois países na ONU e o contato direto com o povo brasileiro. Essa última, agora frustrada, porque o Consulado-Geral dos Estados Unidos informou nesta sexta-feira 18 que o discurso que seria feito na Cinelândia, que é o palco tradicional das manifestações populares-  inclusive as que pressionaram pelo fim da ditadura e o movimento Diretas Já - no próximo domingo 20, foi cancelado.

Segundo a representação diplomática, o pronunciamento foi transferido para o Theatro Municipal do Rio, em frente à Cinelândia, e será restrito a convidados do consulado e do governo do estado. Os assessores de Obama têm receio quanto à segurança do presidente dos EUA depois de sua decisão de autorizar uma ação militar na Líbia, anunciada ontem.

Após o anúncio do consulado, a montagem do palco foi suspensa. Apenas os telões permanecerão na praça.

Antes de fazer o discurso, Obama ainda deverá visitar o Cristo Redentor junto com a mulher, Michelle, e as filhas Malia, de 10 anos, e Sasha, de 7. A família também pretende ir à Cidade de Deus, na zona oeste.

ma cancela discurso na Cinelândia
A vinda do presidente americano Barack Obama está cheia de expectativas quanto aos possíveis resultados da viagem: as relações comerciais, o pré-sal, a comunidade negra, sobre mais consenso sobre a participação dos dois países na ONU e o contato direto com o povo brasileiro. Essa última, agora frustrada, porque o Consulado-Geral dos Estados Unidos informou nesta sexta-feira 18 que o discurso que seria feito na Cinelândia, que é o palco tradicional das manifestações populares- inclusive as que pressionaram pelo fim da ditadura e o movimento Diretas Já - no próximo domingo 20, foi cancelado.
Segundo a representação diplomática, o pronunciamento será transferido para um local fechado, que ainda não foi divulgado. Os assessores de Obama têm receio quanto à segurança do presidente dos EUA depois de sua decisão de autorizar uma ação militar na Líbia, anunciada ontem.

O consulado-geral limitou-se hoje a informar que o local para o discurso de Obama foi transferido da Cinelândia para uma área fechada e restrito a convidados, mas ainda não confirmaram a alternativa do Theatro Municipal, localizado em frente à Cinelândia. Após o anuncio do consulado, a montagem do palco foi suspensa. Apenas os telões permanecerão na praça.

Antes de fazer o discurso, Obama ainda deverá visitar o Cristo Redentor junto com a mulher, Michelle, e as filhas Malia, de 10 anos, e Sasha, de 7. A família também pretende ir à Cidade de Deus, na zona oeste.

registrado em: ,