Você está aqui: Página Inicial / Política / Novo leilão só em fevereiro 2012

Política

Trem-bala

Novo leilão só em fevereiro 2012

por Agência Brasil publicado 20/07/2011 18h01, última modificação 20/07/2011 18h58
O governo dividiu o projeto em duas partes, uma para a contratação da tecnologia para o TAV e a outra para a construção

Por Sabrina Craide, da Agência Brasil*

O leilão da primeira etapa do trem de alta velocidade (TAV) que vai interligar as cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Campinas (SP), deve ocorrer em fevereiro do ano que vem. A expectativa é do diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Bernardo Figueiredo.

Segundo ele, o edital da primeira etapa deve ser publicado em outubro próximo e o da segunda etapa, só no fim do ano que vem. “Como todos já conhecem o projeto, achamos que o prazo adequado [entre a publicação do edital e o leilão] é de quatro meses. Então, faríamos o leilão em fevereiro. Vamos insistir nisso, nas discussões com os operadores”, disse Figueiredo.

Na semana passada, o governo decidiu dividir o projeto do trem-bala em duas partes: a primeira trata da contratação da tecnologia e do operador do TAV e a segunda, da empresa responsável pela construção da linha férrea e das estações.

A estimativa para o início da obra continua sendo os primeiros meses de 2013, com conclusão do projeto em, no máximo, seis anos. Segundo Figueiredo, o cronograma da obra não vai ter mudanças significativas porque, apesar das duas licitações, haverá uma redução de tempo já que não há mais necessidade de elaboração de um projeto executivo da obra.

Figueiredo ressaltou que o governo não vai dar subsídios para a empresa que irá operar o TAV e que o financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) será apenas para a construção da infraestrutura. "Esse financiamento só faz sentido para a infraestrutura porque, normalmente, as operadoras têm financimaentos em condições favoráveis em seus países de origem", explicou.

*Matéria originalmente publicada na Agência Brasil

registrado em: