Você está aqui: Página Inicial / Política / Lugo anuncia pagamentos para vítimas

Política

Ditadura Stroessner

Lugo anuncia pagamentos para vítimas

por Agência Brasil publicado 06/07/2011 09h56, última modificação 06/07/2011 14h04
Os pagamentos serão feitos a partir de sexta-feira 8. O governo paraguaio dá indenizações às vítima da ditadura desde 2008

Por Renata Girardi

O governo do presidente do Paraguai, Fernando Lugo, anunciou nesta quarta-feira 6 pagamento adicional para um grupo de herdeiros das vítimas de violações dos direitos humanos durante a ditadura no país (1954-1989). Os pagamentos serão feitos a partir de sexta-feira 8. O governo Lugo paga indenizações às vítima da ditadura desde 2008.

Em nota, a Presidência da República paraguaia informa que os pagamentos serão feitos via Direção-Geral da Administração, órgão ligado ao Ministério das Finanças do Paraguai. Não há detalhes sobre os valores nem quantos serão os beneficiados.

De acordo com organizações não governamentais, 375 pessoas foram beneficiadas pelas reparações do governo. Há informações, ainda sendo investigadas pelas autoridades, que a ditadura foi responsável pelo exílio de cerca de 1 milhão de paraguaios e agrediu cerca de 130 mil pessoas.

Por 35 anos, o Paraguai viveu sob a ditadura comanda pelo general Alfredo Stroessner – que se exilou em Brasília onde acabou morrendo em 2006. Stroessner só deixou o poder por causa de um golpe de Estado liderado pelo também general Andrés Rodríguez.

registrado em: