Você está aqui: Página Inicial / Política / Instituto Vladimir Herzog lança projeto sobre a ditadura

Política

Resgate histórico

Instituto Vladimir Herzog lança projeto sobre a ditadura

por Gabriel Bonis publicado 23/06/2011 07h18, última modificação 23/06/2011 10h19
Resistir é Preciso comemora os 74 anos de Vlado com coleção de DVDs que trazem depoimentos de pessoas ligadas à imprensa que combateu o governo militar

Em comemoração ao aniversário de 74 anos do jornalista Vladimir Herzog, morto em 1975 durante o governo militar, o instituto que leva o seu nome inicia, na segunda-feira 27, a primeira etapa do projeto Resistir é Preciso. A ação marca o lançamento da coleção Protagonistas dessa História, em 12 DVDs, que traz 60 depoimentos de jornalistas e de pessoas ligadas à imprensa antiditadura.

A iniciativa, que visa informar os jovens sobre o período em que os militares governaram o Brasil com maõs de ferro, também conta com um . No portal há o perfil de todos os entrevistados - em breve estarão disponíveis trechos de seus depoimentos -, escolhidos com base em um material que o pesquisador José Luiz Del Roio juntou por 34 anos. “Encontramos mais de 200 publicações alternativas, clandestinas e de exilados”, diz o editor de conteúdo do projeto, Ricardo Carvalho.

Para Carvalho, o Resistir é Preciso tentou contemplar todos os vieses da época, principalmente o da mídia clandestina, ligada a partidos políticos. “Isso proporciona uma visão ampla de como o Brasil era fotografado por essas facções e como isso refletia em suas publicações”.

As próximas etapas do projeto devem incluir o lançamento de um livro, uma exposição itinerante no Banco do Brasil e a produção de dez documentários de 25 minutos cada para televisão. “Estamos resgatando um momento da história do Brasil com uma abordagem inédita”, conclui.

registrado em: