Você está aqui: Página Inicial / Política / Inflação não subirá no Brasil, afirma Mantega

Política

Inflação não subirá no Brasil, afirma Mantega

por AFP — publicado 19/09/2012 10h50, última modificação 06/06/2015 18h41
Governo Dilma Rousseff sempre terá "cuidado especial" com os preços, afirma em Paris o ministro da Fazenda
photo_1348057688223-1-0

Guido Mantega durante entrevista coletiva. Foto: AFP

PARIS (AFP) - A inflação não vai subir no Brasil, afirmou nesta quarta-feira 19 o ministro da Fazenda, Guido Mantega, em um encontro em Paris com autoridades econômicas francesas e empresários interessados em investir no país.

"A inflação não vai subir, pois o governo da presidente Dilma Rousseff sempre terá um cuidado especial com este problema, que afeta consumidores, trabalhadores e empresários", declarou Mantega.

As medidas adotadas pelo governo vão contribuir para a queda de preços, em particular da energia elétrica, assim como o novo modelo de câmbio que também estimula a produção, recordou o ministro, que minimizou o aumento dos salários no Brasil, contra o que está acontecendo na maior parte do planeta.

Após um primeiro semestre com crescimento raquítico, o ministro afirmou que no segundo semestre o Produto Interno Bruto (PIB) começou a crescer e terminará o ano com um avanço de quase 4%.

A forte criação de empregos que alimenta o consumo interno e as medidas adotadas pelo governo vão contribuir para o crescimento, segundo Mantega, que espera que nos próximos anos entre 30 e 40 milhões das 60 milhões de pessoas que vivem na pobreza no país alcancem a classe média.