Você está aqui: Página Inicial / Política / Filho de Khadafi diz ser impossível uma solução que exclua seu pai

Política

Líbia

Filho de Khadafi diz ser impossível uma solução que exclua seu pai

por Agência Brasil publicado 04/07/2011 10h03, última modificação 04/07/2011 11h07
“A operação da Otan é estúpida e mal preparada”, disse Seif Al Islam Kadafi

O porta-voz do governo da Líbia e filho do presidente líbio, Muammar Khadafi, Seif Al Islam Khadafi, disse nesta segunda-feira ser impossível buscar uma solução para o fim da crise no país que exclua seu pai. Segundo ele, o conflito é liderado por traidores, milícias e terroristas. Os embates na Líbia começaram em fevereiro por meio de movimentos internos pressionando Khadafi a deixar o poder, depois de 42 anos.

“O meu pai não faz parte das negociações. É um conflito líbio com líbios e traidores, milícias, terroristas. Pensam que poderemos encontrar uma solução que não o envolva? Não, é impossível”, disse.

Em seguida, Seif Al Islam acrescentou “a operação da Otan [Organização do Tratado do Atlântico Norte] é particularmente estúpida e mal preparada”. “Temos o nosso Exército. Temos mais munições e armas. O moral está o mais alto possível.”

Apontado como sucessor de Khadafi, Seif Al Islam, de 39 anos, é alvo de um mandado de captura por crimes contra a humanidade lançado pelo Tribunal Penal Internacional. Porém, as autoridades líbias informaram não reconhecer o Corte Internacional.

*Publicado originalmente pela Agência Brasil

registrado em: