Você está aqui: Página Inicial / Política / Eleição em feriado prolongado preocupa tucanos

Política

Eleições

Eleição em feriado prolongado preocupa tucanos

por Redação Carta Capital — publicado 06/10/2010 17h04, última modificação 06/10/2010 17h11
Abstenção pode ser maior que no primeiro turno

Abstenção pode ser maior que no primeiro turno

Os tucanos estão preocupados com a data em que caiu a votação do segundo turno. Marcada para acontecer no dia 31 deste mês, ela antecede o dia de Finados, provocando um feriado prolongado que culmina com o dia da eleição, o que pode causar maior abstenção do que a que houve no primeiro turno.

Esse risco é apontado pela própria campanha tucana. Márcio Fortes, interlocutor de José Serra, falou na manhã de terça-feira 5, em um café da manhã da cúpula do partido, sobre a derrota de Fernando Gabeira (PV), que concorria à prefeitura do Rio em 2008. O segundo turno daquele ano teve feriado facultativo decretado pelo governado Sérgio Cabral e houve grande abstenção de eleitores da região da zona Sul, e Eduardo Paes (PMDB) ficou com o cargo de prefeito.

A abstenção no primeiro turno foi de 18,12% o que corresponde 24 milhões de brasileiros que deixaram de votar. O valor é 1,34% maior que o número ausências na eleição de 2006 que somou 16,75%.

registrado em: