Você está aqui: Página Inicial / Política / E o que fazer com quem considerávamos terroristas?

Política

WikiLeaks

E o que fazer com quem considerávamos terroristas?

por Natalia Viana — publicado 29/12/2010 11h50, última modificação 04/01/2011 17h22
Vazamentos tratam do visto concedido a Paulo de Tarso, que participou do sequestro de Charles Elbrick na ditadura, e dos bastidores do acordo entre Brasil, Turquia e Irã neste ano
E o que fazer com quem considerávamos terroristas?

Vazamentos tratam do visto concedido a Paulo de Tarso, que participou do sequestro de Charles Elbrick na ditadura, e dos bastidores do acordo entre Brasil, Turquia e Irã neste ano

Um documento publicado hoje pelo WikiLeaks mostra como os americanos têm dificuldade ainda hoje de lidar com ex-opositores da ditadura militar no Brasil, que na época eram considerados “terroristas”. O telegrama enviado em 15 de outubro de 2009 ao Departamento de Estado pede orientações a respeito do visto concedido a Paulo de Tarso Venceslau, ex-integrante do grupo Aliança Libertadora Nacional que participou do sequestro do embaixador americano Charles Elbrick. Ele acabava de obter um visto de turista no consulado dos EUA em São Paulo.

Outro post do blog trata de uma série de documentos que mostram os bastidores do acordo que Brasil e Turquia encabeçaram com o Irã neste ano. Leia a íntegra no blog CartaCapital-WikiLeaks: http://cartacapitalwikileaks.wordpress.com/

registrado em: