Você está aqui: Página Inicial / Política / Dilma propõe corte de impostos em folha de pagamento

Política

Reforma

Dilma propõe corte de impostos em folha de pagamento

por Redação Carta Capital — publicado 21/01/2011 12h03, última modificação 21/01/2011 12h03
Proposta que deve ser enviada ao Congresso em fevereiro pode aumentar o número de empregos com carteira assinada

Proposta que deve ser enviada ao Congresso em fevereiro pode aumentar o número de empregos com carteira assinada

Com o objetivo de incentivar o aumento dos empregos formais no País a presidenta Dilma Rousseff vai propor redução de contribuição à previdência na folha de pagamento das empresas. De acordo com a reportagem publicada nesta sexta-feira 21, no jornal Folha de S.Paulo, a proposta será enviada ao Congresso em fevereiro.

Inicialmente seria feito um corte de dois pontos percentuais na taxa de contribuição e, ao longo dos próximos anos, haveria um total de 14% de redução na taxa.

A estimativa da proposta, além de beneficiar as empresas, é de que a longo prazo aumente o número de funcionários com registro em carteira.

Com a medida, o governo espera que os números de emprego formal saiam dos 52% e vão para 60% já nos primeiros 12 meses da redução.

A redução da alíquota é a principal proposta da equipe que elabora projetos pontuais da reforma tributária, segundo a reportagem. O ministro da Fazenda Guido Mantega pretende incluir uma medida de compensação à Previdência Social pela perda de arrecadação provocada pela proposta. Apesar de o projeto ainda não estar fechado, a proposta deve seguir para o Congresso no próximo mês.

registrado em: