Você está aqui: Página Inicial / Política / Dilma promete encontros anuais com catadores e políticas de financiamento

Política

Novo Governo

Dilma promete encontros anuais com catadores e políticas de financiamento

por Rede Brasil Atual — publicado 23/12/2010 17h32, última modificação 23/12/2010 17h33
Presidente eleita garante dar continuidade a reuniões realizados por Lula com a população de rua e catadores desde 2003

Os encontros da população de rua e dos catadores de materiais recicláveis com a presidenta eleita, Dilma Rousseff, estão garantidos pelos próximos anos. O compromisso foi feito por ela durante a comemoração do Natal dos catadores e moradores de rua, na capital paulista. Desde que assumiu, em 2003, Luiz Inácio Lula da Silva encontra-se com esse público no dia 23 de cada ano.

Mostrando-se à vontade, Dilma chegou a cantar durante uma das apresentações culturais que antecederam os discursos de lideranças e autoridades. A canção foi um samba, composto especialmente para o evento. Durante os pronunciamentos de moradores de rua, ela chegou a se emocionar por pelo menos três vezes.

“É época de Natal e temos de fazer duas coisas: a primeira é olhar o mundo e pensar o que fizemos nesse período para transformá-lo e o que devemos fazer para continuar essa transformação”, sugeriu.

Em seu discurso, Dilma prometeu ações para tornar os catadores em cidadãos e fazer da "profissão de catador será um instrumento de trabalho". Ela assegurou ainda uma política permanente de financiamento bancário, para equiparar catadores a outras profissões. "Uma política permanente de financiamento, apoio, assistência, integração aos serviços de educação e saúde", afirmou.

"Não descansarei enquanto não conseguir dar as melhores condições possíveis para que esse processo avance e os catadores, cada vez mais, saiam do lixão, organizem cooperativas, tenham seus caminhões, suas máquinas”, disse Dilma.

Dilma ainda garantiu que o programa habitacional Minha Casa, Minha Vida continuará em seu governo. “É para essa população que se dirige o Minha Casa Minha Vida”, disse. “A cidadania é algo que é direito de cada um”, completou.

Por Jéssica Santos de Souza, da Rede Brasil Atual

registrado em: