Você está aqui: Página Inicial / Política / Aumentam indícios de que carros da Casa Militar do RS foram utilizados em arrecadação de propina

Política

Escândalo

Aumentam indícios de que carros da Casa Militar do RS foram utilizados em arrecadação de propina

por Lucas Azevedo — publicado 14/09/2010 10h51, última modificação 14/09/2010 17h51
Ingresso do promotor Amilcar Macedo no Palácio Piratini, sede do governo do RS, na tarde de ontem, foi conturbado, porém produtivo

O ingresso do promotor Amilcar Macedo no Palácio Piratini, sede do governo do RS, na tarde de ontem, foi conturbado, porém produtivo. Apesar de ficar esperando na rua mais de uma hora para cumprir uma inspeção nos veículos da Casa Militar autorizada pela Justiça, o responsável pela investigação no esquema de espionagem do governo gaúcho comprovou ao menos parte do depoimento de um contraventor de Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

Na tarde de ontem, no estacionamento da Casa Militar, Macedo constatou que mais de um veículo oficial têm as mesmas características descritas pela testemunha, inclusive detalhes internos, como opcionais. O empresário que explora bingos e caça-níqueis é o responsável pela denúncia de que o sargento da Brigada Militar César Rodrigues de Carvalho utilizava carros oficiais da segurança da governadora para arrecadar propina.

Ao promotor, o contraventor deu detalhes do veículo que, segundo ele, servia ao sargento durante a arrecadação.

registrado em: ,