Você está aqui: Página Inicial / Política / Alckmin afasta seu vice da Secretaria de Desenvolvimento

Política

Mudanças

Alckmin afasta seu vice da Secretaria de Desenvolvimento

por Redação Carta Capital — publicado 27/04/2011 14h30, última modificação 27/04/2011 14h56
Como esperado, Guilherme Afif Domingos se despediu do cargo de secretário do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, a pedido do governador. Remanejo de cargos dá ao deputado federal Rodrigo Garcia, do DEM, a pasta de Desenvolvimento Social. DEM se diz satisfeito

Como esperado, Guilherme Afif Domingos se despediu do cargo de secretário do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, a pedido do governador. Remanejo de cargos dá ao deputado federal Rodrigo Garcia, do DEM, a pasta de Desenvolvimento Social. DEM se diz satisfeito

Desde quando anunciou sua saída do DEM para ingressar no novo partido do prefeito da cidade, Gilberto Kassab, o PSD, o vice-governador Guilherme Afif Domingos abriu espaço para sua ex-sigla reivindicar uma nova vaga no governo do Estado.

Nesta terça-feira 26 o governador Geraldo Alckmin anunciou uma minirreforma para acomodar o partido aliado e formalizou que Afif deixa o cargo de secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia. Em seu lugar ficará Paulo Barbosa (PSDB) que deixa a Secretaria de Desenvolvimento Social para o deputado federal Rodrigo Garcia, do DEM. Está definido assim mais um lance da crise que atinge a oposição, acentuada nas últimas semanas por uma debandada de lideranças tucanas do partido.

Em nota o vice-governador comentou a decisão. “Desejo que o Governo do qual faço parte dê curso aos vários projetos desafiantes que estávamos estruturando na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, entre os quais o Parque Tecnológico de São Paulo, o Programa Estadual de Investimentos Incentivados nas Regiões de Baixo IPRS, o Via Rápida Emprego, o Via Rápida Empresa, o Microempreendedor Individual e o EJA Profissionalizante”.

Afif termina dizendo que “espero que o meu sucessor tenha êxito no encaminhamento dos mesmos. Da minha parte continuo à disposição do Governador para as missões que me forem delegadas.”

Ao jornal O Estado de S. Paulo o presidente nacional do DEM, Agripino Maia, declarou que “o deputado Rodrigo Garcia foi convidado para o cargo, aceitou e o DEM se sente completamente atendido pelo governador".

registrado em: