Você está aqui: Página Inicial / Política / ''Aécio presidente!"

Política

Tucanada

''Aécio presidente!"

por Celso Marcondes — publicado 08/03/2010 19h08, última modificação 18/08/2010 19h09
A super produção montada pelo mineiro causou saia-justa para os tucanos

A super produção montada pelo mineiro causou saia-justa para os tucanos

Desse jeito, Lula vai poder se licenciar do governo e tirar umas férias, descansar e pescar no seu sítio em São Bernardo, pois o que se viu nesta quinta 4, em Belo Horizonte, já beira o surrealismo. Senão, vejamos.

Cria-se durante a semana uma expectativa enorme para o encontro entre José Serra e Aécio Neves que ocorreria na véspera do maior evento do governo mineiro, a inauguração de sua “Brasília”, a Cidade Administrativa. O mínimo que se podia esperar era que o evento fosse aproveitado para a criação de um belo fato político que pudesse gerar um sopro de otimismo no ninho tucano, ainda atônito com os resultados das últimas pesquisas eleitorais.

Porém, o máximo que se produziu foi uma declaração do governador paulista dizendo que “não descartava a hipótese de sair candidato à presidência” e mais uma declaração enfática do governador mineiro dizendo que não sairá candidato a vice.

Pior que isso, foram os gritos insistentes de parte do público: “Aécio presidente, Aécio presidente!”. Constrangimento geral. A super produção que foi montada pelo mineiro com cara de lançamento de nome da terrinha para presidente, virou saia-justa, pois não deu tempo de combinar com a plateia que não seria de bom tom botar pressão naquele momento.

Ou seja, a semana termina pior do que começou para o PSDB. Seu candidato não assume, Aécio declara que “Minas é sua pátria”. Não há vice definido, nem candidato declarado. Não se cria fato novo para ajudar a reverter a tendência em curso.

Mas as más notícias não terminariam por aí. Quer mais complicação? Na mesma quinta-feira, o STF não deixou que saísse da jaula o governador José Roberto Arruda, do grande aliado DEM, e a Câmara Legislativa do DF aprovou a abertura do processo de impeachment contra o próprio.

A incompetência tucana está tão grande, mas tão grande que até os editoriais dos grandes jornais e os articulistas claramente simpáticos a Serra perderam a paciência. Isso sim é uma fato novo.