Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Senado de Nova York endurece leis contra posse de armas

Internacional

Após massacre

Senado de Nova York endurece leis contra posse de armas

por AFP — publicado 15/01/2013 10h33, última modificação 15/01/2013 14h26
Nova York dá o primeiro passo e torna-se protagonista no endurecimento das restrições ao armamento

NOVA YORK (AFP) - Nova York se encaminha para converter-se no primeiro estado a endurecer as restrições de posse de armas de assalto, um mês depois do massacre na escola primária de Newtown, em Connecticut.

O Senado do estado anunciou pelo Twitter ter aprovado, na segunda-feira 14, por uma margem de 43 contra 18 o que são consideradas as medidas mais duras contra a posse de armas nos Estados Unidos.

A câmara baixa do estado deve votar a medida nesta terça-feira 15. O governador democrata de Nova York, Andrew Cuomo, que impulsionou a medida, elogiou a corajosa votação do Senado.

A medida, denominada Lei de Segurança contra as Armas e Munições de Nova York (NY SAFE) faz várias emendas em uma lei estatal anterior contra as armas de assalto.

A posse de armas é fortemente defendida nos Estados Unidos e muitos consideram que qualquer restrição viola o direito constitucional de possuí-las.

registrado em: