Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Tempos difíceis para a China?

Internacional

Crise mundial

Tempos difíceis para a China?

por Redação Carta Capital — publicado 15/07/2012 10h20, última modificação 06/06/2015 18h28
Após registrar pior nível de crescimento no segundo trimestre em três anos, premier diz que recuperação econômica é instável
china

O primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, advertiu que a economia de seu país pode enfrentar tempos difíceis. Foto: Daniel García/AFP

O primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, advertiu neste domingo 15 que a economia do país, a segunda maior do mundo, pode enfrentar tempos difíceis.

Segundo ele, o índice de crescimento econômico  e as políticas de estabilização estão dentro do previsto, mas "a recuperação econômica não é estável e as dificuldades podem continuar ainda durante um tempo", declarou Wen em uma visita à província de Sichuan (sudoeste), segundo a agência Nova China.

No segundo trimestre, a China registrou o nível de crescimento mais baixo em três anos, de 7,6% interanual. O resultado foi influenciado pela crise na Europa, mas também pelas dificuldades no setor imobiliário e em outras áreas da economia.

O crescimento do país vem desacelarando nos últimos anos. Em 2010, a China cresceu 10,4%, no ano passado o nível caiu para 9,2% e atingiu 7,6% no segundo trimestre de 2012. Esse é o índice de crescimento mais baixo registrado desde os 6,6% do primeiro trimestre de 2009.

Com informações AFP. 

Leia mais em AFP Movel.

registrado em: ,