Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Mandela é hospitalizado devido a uma infecção pulmonar

Internacional

África do Sul

Mandela é hospitalizado devido a uma infecção pulmonar

por Agência Brasil publicado 28/03/2013 12h23, última modificação 28/03/2013 12h25
Ex-presidente, de 94 anos, foi internado na noite desta quarta-feira
Mandela

Mandela passou pela internação mais longa desde que foi libertado da prisão, em 1990. Foto: ©AFP/Nelson Mandela Foundation/Arquivo / Debbie Yazbek

O ex-presidente da África do Sul Nelson Mandela, de 94 anos, foi internado pouco antes da meia-noite desta quinta-feira 28 em decorrência de uma infecção pulmonar recorrente. A informação foi divulgada pela Presidência sul-africana em sua página oficial na internet.

O presidente Jacob Zuma, que nos últimos dias foi anfitrião da 5ª Cúpula do Brics (grupo que reúne o Brasil, a Rússia, a Índia, a China e a África do Sul), em Durban, na África do Sul, pediu orações por Mandela e sua família. "Apelamos ao povo da África do Sul e do mundo para orar por nosso Madiba [nome do clã de Mandela] amado e sua família, e para mantê-los em seus pensamentos. Temos plena confiança na equipe médica, e sei que eles vão fazer todo o possível para garantir a recuperação".

Em nota, a Presidência do país também pediu a compreensão quanto ao respeito à privacidade de Mandela, “a fim de permitir espaço para os médicos fazerem o seu trabalho”. Em dezembro do ano passado, o ex-presidente ficou 18 dias internado devido a uma infecção pulmonar e renal. No dia 9 de março, ele passou a noite no hospital para fazer exames médicos de rotina.

Mandela foi o primeiro presidente negro da África do Sul, de 1994 a 1999, e recebeu o Prêmio Nobel da Paz em 1993. Principal símbolo da luta contra o regime de segregação racial na África do Sul, o apartheid, Mandela conquistou o respeito de adversários e críticos devido aos esforços em busca da paz. Em sua homenagem, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu o Dia Internacional Nelson Mandela (18 de julho, data de nascimento do líder sul-africano) em defesa da luta pela liberdade, justiça e democracia.

Em 2001, Mandela recebeu o diagnóstico de câncer de próstata. Apesar do tratamento, fez campanha em favor do combate à aids, um dos principais problemas de saúde pública na África do Sul. Em 2004, ao completar 85 anos, ele anunciou a aposentadoria.

registrado em: ,