Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Liga Árabe rejeita proposta da ONU para suspender envio de armas à Síria

Internacional

Síria

Liga Árabe rejeita proposta da ONU para suspender envio de armas à Síria

por AFP — publicado 23/04/2013 09h45, última modificação 23/04/2013 10h37
O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, defendeu que mais armas significam mais mortes, mas a Liga Árabe rechaçou a ideia dizendo que a ideia é impraticável no atual estado de guerra
Ban Ki-moon

Ban Ki-moon em Washington, 19 de abril, 2013. Foto: ©afp.com / Nicholas Kamm

NOVA YORK (AFP) – O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, pediu na segunda-feira 22 o fim do fornecimento de armas às partes em conflito na Síria e ouviu um “não” como resposta da Liga Árabe.

Ban defendeu o fim da entrega de armas durante conversa com o secretário-geral da Liga Árabe, Nabil al-Arabi, e com o primeiro-ministro do Qatar, xeque Hamad bin Jassem Al-Thani, cujo país é acusado por Damasco de armar os rebeldes sírios.

“O secretário-geral pediu para se deter o fornecimento de armas a todas as partes implicadas no conflito sírio. Mais armas apenas significam mais mortes e destruição”, disse o porta-voz da ONU Martin Nesirky.

Al-Arabi afirmou que a ideia é impraticável no atual estado de guerra: “se houver um acordo político ou um princípio de acordo político isto pode ocorrer, mas no momento não acredito ser possível”.

Leia mais em AFP

registrado em: ,