Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Jovem ativista ferida pelos talibãs é levada para Grã-Bretanha

Internacional

Atentado

Jovem ativista ferida pelos talibãs é levada para Grã-Bretanha

por AFP — publicado 15/10/2012 10h41, última modificação 15/10/2012 13h46
A jovem paquistanesa Malala Yusufzai, conhecida por sua luta a favor da educação de meninas em seu país, sobreviveu a um ataque talibã e foi transferida para a Grã-Bretanha
Paquistão

Malala é conhecida no exterior por seu blog, no qual denuncia os atos de violência cometidos pelos talibãs. Foto: ©AFP / Rizwan Tabassum

ISLAMABAD (AFP) - Malala Yusufzai, a adolescente paquistanesa ferida pelos talibãs por sua luta a favor da educação das meninas, foi transportada de avião para a Grã-Bretanha nesta segunda-feira para receber assistência médica, anunciou governo do Paquistão,

"O Paquistão organizou em conjunto com os Emirados Árabes Unidos o transporte de Malala por avião médio para a Grã-Bretanha", afirma um comunicado. A adolescente de 14 anos, famosa pela luta para tornar conhecidas as atrocidades cometidas pelos talibãs, sobreviveu na terça-feira passada a uma tentativa de assassinato na saída da escola no noroeste do Paquistão.

Malala é conhecida no exterior por seu blog, hospedado no site da BBC, no qual denuncia os atos de violência cometidos pelos talibãs no vale de Swat onde os extremistas tomaram o poder de 2007 a 2009.

No ano passado, a adolescente recebeu o primeiro Prêmio Nacional da Paz criado pelo governo paquistanês e foi nomeada ao prêmio internacional Crianças para a Paz da fundação Kids Rights.

Mais informações em AFP Móvil

registrado em: