Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Itália vira palco de protestos contra Berlusconi

Internacional

Revolta

Itália vira palco de protestos contra Berlusconi

por Redação Carta Capital — publicado 14/12/2010 18h43, última modificação 14/12/2010 18h52
Manifestações contra a decisão do poder legislativo de manter o primeiro ministro deixaram pelo menos 100 feridos; assista ao vídeo

Manifestações ante a decisão do poder legislativo de manter o primeiro ministro deixaram pelo menos 90 feridos; assista ao vídeo

A Itália, especialmente a capital Roma, foi palco de uma série de protestos nesta terça-feira 14 contra a decisão da Câmara e do Senado de manter o primeiro ministro Silvio Berlusconi mediante o voto de desconfiança contra o seu governo. Os principais locais de confronto entre manifestantes e a polícia foram a Via del Corso, onde ficam o escritório e a casa de Berlusconi, o Palácio de Montecitoro, onde funciona a Câmara, o Senado e a praça de Veneza, todos no centro da cidade.

Ativistas de varias cidades italianas, como Milão, Turim e Palermo, se concentravam desde as primeiras horas do dia para comemorar a saída de Berlusconi. O que era para ser festa acabou em confronto. Em Roma, os estudantes que protestavam contra as reformas universitárias do Executivo se juntaram aos outros manifestantes no embate com a polícia. Segundo o jornal italiano “La Repubblica”, pelo menos 100 pessoas ficaram feridas.

Assista ao vídeo dos protestos em Roma: