Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Hugo Chávez condena atentado a bomba em Bogotá

Internacional

Relações Internacionais

Hugo Chávez condena atentado a bomba em Bogotá

por Opera Mundi — publicado 12/08/2010 15h50, última modificação 12/08/2010 15h50
Após reatar relações diplomáticas com a Colômbia, Chavez repudia publicamente ataque a sede de rádio local

Após reatar relações diplomáticas com a Colômbia, Chavez repudia publicamente ataque a sede de rádio local

Por  Marina Terra

Em comunicado divulgado hoje (12/8), o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, repudiou de maneira "energética" o atentado a bomba contra complexo de prédios em Bogotá. Nove pessoas ficaram feridas e o presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, qualificou o ato de "terrorista".


"O povo e o governo venezuelanos repudiam de maneira enérgica o ato terrorista dirigido contra o povo irmão da Colômbia e seu desejo de viver em paz", diz o texto. 



O governo colombiano não apontou culpados para o atentado, que aconteceu às 05h30 hora local (07h30 horário de Brasília) após a explosão de um carro bomba. "Como todo ato terrorista, o que quer é perturbar, criar medo entre a população (...) eles não conseguirão", disse Santos em declarações à Rádio Caracol, ao chegar ao local da explosão.

Na explosão foi atingido o complexo de prédios onde fica a emissora da Radio Caracol e a sede da Agência Efe na Colômbia, ao norte de Bogotá. 


No informe, o governo venezuelano, "em nome do povo venezuelano, expressa sua solidariedade com o povo e o governo da Colômbia, e formula votos para o pronto esclarecimento dos lamentáveis fatos." 



Na segunda-feira (9/8), o governo da Venezuela restabeleceu laços diplomáticos com a Colômbia, após rompê-los no final de julho. Na ocasião, o então presidente Álvaro Uribe acusou Caracas de abrigar guerrilheiros das FARC e do ELN em seu território. Após a posse de Santos, no sábado (7/8), o diálogo entre os dois países vizinhos foi retomado.

Imagens

A rede de televisão colombiana RCN divulgou imagens de quatro câmeras de segurança que registraram o exato momento da explosão do carro bomba hoje em Bogotá. 


A partir delas é possível observar o estrondo e os estilhaços de vidro lançados. Uma das câmeras capturou a reação do funcionário de um dos prédios atingidos pelo impacto da bomba.

registrado em: