Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Gasto militar foi de US$ 250 por pessoa no mundo em 2012

Internacional

Relatório SIPRI

Gasto militar foi de US$ 250 por pessoa no mundo em 2012

por Gabriel Bonis publicado 04/06/2013 15h47, última modificação 04/06/2013 17h02
Total investido por países em segurança alcançou 1,7 trilhão de dólares, cerca de 2,5% do PIB global
The U.S. Army/Flickr

Os gastos militares internacionais somaram 1,756 trilhão de dólares, cerca de 2,5% do PIB do mundo ou 249 dólares por pessoa no planeta, em 2012. É o que mostra o relatório anual de armas do Stockholm International Peace Research Institute (SIPRI) publicado na segunda-feira 3. O valor é 0,4% inferior em termos reais que em 2011, a primeira queda desde 1998. Ainda assim, os gastos são maiores que qualquer ano entre o fim da Segunda Guerra Mundial e 2010.

O estudo ressalta que a distribuição dos gastos globais no setor durante o ano passado reflete uma mudança do Ocidente para outras regiões do mundo, em especial a Europa Oriental e países em desenvolvimento.

A crise econômica fez com que países da Europa Central Ocidental continuassem a reduzir os seus gastos militares. Enquanto na Ásia e na Oceania, houve uma alta moderada.

Os Estados Unidos também precisaram cortar gastos no setor. As despesas com esse tipo de serviço caíram 5,6% em 2012 em termos reais. Junto a queda de 1% em 2011, essa é a primeira manifestação clara de um ajuste dos gastos militares dos EUA em uma situação pós-guerra.

Mesmo assim, os gastos militares de 685,3 bilhões de dólares dos EUA no ano passado ainda é 69% maior em termos reais que em 2001, início da chamada “guerra ao terror”.

A Rússia, por outro lado, vem elevando seus gastos militares desde 1999. No ano passado, essa curva se acelerou fortemente rm 16%. O país ainda tem a possibilidade de aumentar em mais 40% o orçamento de 2013-2015 em termos reais.