Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Ex-ministro é nomeado premier interino do Egito

Internacional

Pós-golpe

Ex-ministro é nomeado premier interino do Egito

por Agência Lusa — publicado 09/07/2013 18h31, última modificação 10/07/2013 10h21
O economista Hazem Al Beblawi é considerado liberal; nomeação ocorre quase uma semana depois da deposição de Mohamed Morsi
AFP
EGITO NOVO MINISTRO.jpg

O ex-ministro das finanças Hazem Al Beblawi agora é o primeiro-ministro egípcio

O economista Hazem Al Beblawi, ex-ministro das Finanças, foi nomeado neste terça-feira o primeiro-ministro interino do Egito, anunciou hoje o porta-voz da presidência egípcia, Ahmed Al Muslimani.

O Prêmio Nobel da Paz (2005) Mohamed ElBaradei, representante da oposição laica egípcia, foi o nome escolhido para a Vice-Presidência do país, cargo que terá como principal foco as relações internacionais, acrescentou o mesmo porta-voz.

A designação de Beblawi, de 76 anos, considerado de uma facção liberal, ocorre quase uma semana depois da deposição do presidente islamita Mohamed Morsi pelo Exército.

Morsi foi substituído interinamente pelo presidente do Supremo Tribunal Constitucional egípcio Adly Mansur, que prestou juramento na quinta-feira passada.

Na segunda-feira à noite, Mansur publicou uma declaração constitucional na qual definiu um calendário eleitoral, incluindo a realização de eleições legislativas ainda este ano.

Divulgada pela televisão estatal, a declaração constitucional prevê a nomeação, dentro de 15 dias, de um comitê constitucional, que terá dois meses para apresentar as suas propostas ao presidente interino. As propostas deverão depois ser sujeitas à um referendo no mês seguinte, em seguida ocorrerão eleições legislativas dentro de dois meses.

A organização posterior de eleições presidenciais irá encerrar o processo de transição política do país.