Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Empresa confirma vazamento de plutônio em usina nuclear no Japão

Internacional

Japão

Empresa confirma vazamento de plutônio em usina nuclear no Japão

por Agência Brasil publicado 28/03/2011 16h50, última modificação 28/03/2011 18h28
Também foram identificados níveis elevados de radiação nos túneis que passam sob os edifícios dos reatores 1, 2 e 3

Brasília - A empresa Tokyo Electric Power (Tepco), que administra a Usina Nuclear de Fukushima Daiichi, no Japão, informou nesta segunda-feira 28 que testes feitos em cinco locais distintos da central identificaram a presença de plutônio. Para a Tepco, o material deve ser proveniente do combustível que vazou de um dos reatores danificados em decorrência do terremoto seguido pelo tsunami, no último dia 11.

Também foram identificados níveis elevados de radiação nos túneis que passam sob os edifícios dos reatores 1, 2 e 3. A Agência Internacional da Energia Atómica (Aiea) – que é vinculada à Organização das Nações Unidas - anunciou hoje que vai convocar uma conferência de alto nível sobre procedimentos de segurança em usinas nucleares em todo o mundo, depois do ocorrido em Fukushima.

O diretor da Aiea, Yukia Amano, afirmou que a reunião deve ocorrer na segunda quinzena de julho. De acordo com ele, a conferência vai se concentrar na avaliação da situação no Japão e nas lições que devem ser tiradas para melhorar a resposta internacional a esse tipo de acidentes.

A Usina Nuclear de Fukushima Daiichi sofreu danos que levaram a explosões e vazamentos de radiação em quatro dos seis reatores. Amano disse que, além de peritos em energia nuclear, 151 membros da Aiea deverão participar da conferência em julho para a exigir mais empenho político dos governos.

Texto da Agência Lusa, publicado na Agência Brasil

registrado em: ,