Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Embaixada intercedeu pela extradição de mediador das Farc

Internacional

WikiLeaks

Embaixada intercedeu pela extradição de mediador das Farc

por Natalia Viana — publicado 04/01/2011 10h34, última modificação 04/01/2011 17h24
Telegramas publicados hoje pelo WikiLeaks mostram como os EUA intercederam em nome da Colômbia pela extradição do padre Francisco Antonio Cadena Collazos, conhecido como Padre Olivério Medina, colaborador das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia que vive no Brasil desde 1992
Embaixada intercedeu pela extradição de mediador das Farc

Telegramas publicados hoje pelo WikiLeaks mostram como os EUA intercederam em nome da Colômbia pela extradição do padre Francisco Antonio Cadena Collazos, o Padre Olivério Medina, colaborador das Farc colombiana que vive no Brasil desde 1992. Por Natalia Viana. Foto: AFP

Dois  telegramas a serem publicados nesta terça-feira 4, pelo WikiLeaks mostram como os EUA intercederam em nome da Colômbia pela extradição do padre Francisco Antonio Cadena Collazos, conhecido como Padre Olivério Medina, colaborador das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia que vive no Brasil desde 1992.

Novos documentos da embaixada em Brasília a respeito do governo Evo Morales estão no site do WikiLeaks. Os documentos relatam conversas de autoridades brasileiras com diplomatas americanos sobre o primeiro presidente indígena da Bolívia.

Acesse o blog com matérias escritas pela jornalista Natalia Viana: http://cartacapitalwikileaks.wordpress.com/

registrado em: ,