Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Eleição na Venezuela é luta do 'bem contra o mal', afirma candidato opositor

Internacional

Venezuela

Eleição na Venezuela é luta do 'bem contra o mal', afirma candidato opositor

por AFP — publicado 25/03/2013 10h54, última modificação 25/03/2013 10h54
O principal nome da oposição ao Chavismo, Henrique Capriles, declara que eleições serão uma "luta espiritual" de "caráter divino" para derrubar o "muro do mal", em referência ao adversário "chavista" Nicolás Maduro

CARACAS (AFP) - O candidato da oposição venezuelana, Henrique Capriles, afirmou neste domingo 24 que as próximas eleições presidenciais na Venezuela serão uma luta "espiritual" e de "caráter divino" entre o "bem e o mal", em referência a seu adversário "chavista" Nicolás Maduro.

"Sinto que esta luta se tornou algo espiritual, de caráter divino, porque em toda a Venezuela sentimos que isto agora é uma luta para derrubar o muro do mal", disse Capriles em um comício no estado de Yaracuy.

O governador do estado de Miranda denunciou os que "dizem mentiras e utilizam o poder para chantagear e manipular" o povo, "os que se colocam ao lado do mal", retomando as críticas sobre o uso da máquina estatal por parte de Maduro.

"Quem acredita na verdade está do lado do bem, está ao lado dos que querem derrotar o mal", afirmou Capriles, derrotado nas eleições de outubro passado pelo presidente Hugo Chávez, morto por um câncer em 5 de março.

Capriles, que percorre os 23 estados do país em uma campanha relâmpago, voltou a atacar Maduro por utilizar a imagem de Chávez na disputa eleitoral.

A campanha presidencial será iniciada oficialmente no dia 2 de abril e durará apenas dez dias, mas Capriles e Maduro já estão em campo e trocam farpas diariamente.


Leia mais em AFP Movel.

registrado em: