Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Diálogo entre Israel e palestinos será retomado

Internacional

Oriente Médio

Diálogo entre Israel e palestinos será retomado

por Redação — publicado 29/07/2013 00h08
Negociação ocorre depois de governo israelense ter aprovado libertação de mais de 100 prisioneiros palestinos
ABBAS MOMANI / AFP
ISRAEL

Manifestantes palestinos contrários enfrentam a polícia em Ramallah, na Cisjordânia

Delegados israelenses e palestinos reiniciarão na segunda-feira 29, em Washington, os diálogos de paz diretos, anunciou o Departamento de Estado americano em nota divulgada no domingo 28 pela porta-voz da pasta.

"O secretário de Estado John Kerry falou com o presidente da Autoridade Palestina, Mahmud Abbas, e com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, e lhes convidou a enviar suas equipes negociadoras para retomar, formalmente, as negociações diretas. As primeiras reuniões estão previstas para a tarde desta segunda 29 e terça 30", de acordo com a porta-voz Jen Psaki.

Os diálogos são retomados depois de o governo israelense ter aprovado, no domingo 28, a libertação de 104 prisioneiros palestinos. A autorização do gabinete israelense aconteceu após várias horas de deliberações, devido à forte oposição expressa por muitos ministros à soltura dos detentos. Eles contam com o apoio de boa parte da opinião pública israelense.

Na negociação, os israelenses estarão representados pela ministra da Justiça Tzipi Livni e por Yitzhak Molcho, e os palestinos, pelo chefe negociador Saeb Erekat e por Mohamed Shtayeh.

O diálogo de paz entre ambas as partes está totalmente interrompido desde setembro de 2010, depois que Israel decidiu retomar os assentamentos nos territórios palestinos, até então paralisados.

"As reuniões em Washington marcarão o início das conversas" e "servirão como uma oportunidade para desenvolver um plano de trabalho", informa a nota sobre a intenção de dar continuidade ao processo nos próximos meses.

*Com informações da AFP

registrado em: , ,