Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Darfur sim, bunga-bunga jamais

Internacional

Berlusconi

Darfur sim, bunga-bunga jamais

por Redação Carta Capital — publicado 04/04/2011 16h48, última modificação 04/04/2011 16h48
George Clooney se esquiva de Berlusconi ao provar que nunca participou de suas orgias

Os advogados de Silvio Berlusconi arrolaram como testemunhas 
no processo por corrupção de 
menor e concussão que o coloca 
no banco dos réus a partir do próximo dia 6, além de quatro ministros e dois subsecretários, 
o ator George Clooney 
e o atacante do Real Madrid Cristiano Ronaldo. O jogador teria transcorrido uma noite brava em companhia da famosa Ruby, 
a mesma que, quando menor, justifica a ação contra 
o premier. Quanto a Clooney, 
as investigações já provaram que jamais participou de um 
dos bunga-bungas, sinônimo recém-cunhado de orgia, promovidos por Berlusconi na sua Villa de campo de Arcore, próximo de Milão. O ator declara seu espanto e informa: “Estive uma única vez com Berlusconi, em Roma e em visita oficial, fui pedir ajuda para Darfur”.

registrado em: