Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Celebração de Nobel da Paz tem 40 feridas

Internacional

Iêmen

Celebração de Nobel da Paz tem 40 feridas

por AFP — publicado 10/10/2011 10h20, última modificação 10/10/2011 18h23
A manifestação, que celebrava o Nobel da Paz atribuído à iemenita Tawakkol Karman, foi violentamente dispersada por forças de segurança.

Quarenta mulheres ficaram feridas no domingo à noite em Taez (sudoeste do Iêmen), quando uma manifestação que celebrava o Nobel da Paz atribuído à iemenita Tawakkol Karman foi violentamente dispersada por forças de segurança.

"Homens do regime do presidente Ali Abdullah Saleh atacaram a pedradas e com garrafas uma manifestação, que terminou com 40 mulheres feridas", afirmou à AFP uma das organizadoras da manifestação.

Na sexta-feira, o Prêmio Nobel da Paz foi atribuído em conjunto, pela primeira vez na história, a três mulheres: Tawakkol Karman, que tem um papel de destaque nos protestos no Iêmen, e duas liberianas, a presidente Ellen Johnson Sirleaf e a ativista Leymah Gbowee.

*Leias mais em afpmovel.com

registrado em: