Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Bolívia acionará o Chile em Haia por disputa marítima

Internacional

Tribunal Internacional

Bolívia acionará o Chile em Haia por disputa marítima

por AFP — publicado 23/03/2013 18h07, última modificação 23/03/2013 18h34
País quer recuperar saída ao mar, perdida para os chilenos na Guerra do Pacífico no final do século XIX
Evo-Morales

O antigo criador de lhamas e atual presidente da Bolívia, Evo Morales. Foto: ©AFP/Archivo / Adalberto Roque

LA PAZ (AFP) - O presidente Evo Morales anunciou neste sábado 23 que a Bolívia levará nos próximos dias o Chile ante o Tribunal Internacional da Justiça em Haia. O país vai exigir a recuperação de sua saída ao mar, perdida em uma guerra no final do século XIX.

O anúncio foi feito durante festejos pelo chamado "Dia do Mar", que recordam a defesa das terras bolivianas no início da Guerra do Pacífico com o Chile.

Bolívia e Chile, que não possuem relações diplomáticas desde 1978, conversaram entre 2006 e 2011 sobre uma agenda bilateral de 13 pontos que incluía a questão marítima, mas jamais chegaram a um acordo.

Santiago criticou várias vezes a posição boliviana e pediu para voltarem à mesa de negociações.

Leia mais em .

registrado em: