Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Ban Ki-moon confirma retirada dos capacetes azuis de Timor Leste

Internacional

Missão da ONU

Ban Ki-moon confirma retirada dos capacetes azuis de Timor Leste

por AFP — publicado 15/08/2012 10h52, última modificação 06/06/2015 18h28
Segundo o secretário-geral da ONU, o Exército de Timor Leste já é capaz de garantir a segurança do país
Ban ki moon

Ban Ki-moon em 26 de julho de 2012: a ocupação indonésia provocou a morte de um terço da população de Timor Leste. Foto: ©AFP / Elvis Barukcic

DILI (AFP) - O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou nesta quarta-feira 15 que o Exército de Timor Leste é capaz de garantir a segurança do país e confirmou a retirada dos capacetes azuis até o fim do ano.

A ONU, presente no país desde 1999, ano do referendo sobre a independência que desencadeou uma campanha de violência que provocou 1.400 vítimas, anunciou a retirada dos quase 1.300 capacetes azuis até o fim do ano se, como aconteceu, nenhum ato de violência afetasse as eleições legislativas de julho. "A recomendação de nossa equipe de avaliação é que Timor Leste não precisa atualmente de uma operação de manutenção da paz", declarou Ban Ki-moon.

O referendo de 1999 estabeleceu a independência de Timor Leste, ocupado pela Indonésia desde a saída dos colonos portugueses em 1975. A ocupação indonésia provocou a morte de um terço da população de Timor Leste.

Leia mais em AFP Movel.

registrado em: ,