Você está aqui: Página Inicial / Internacional / Apuração anula destituição do presidente na Romênia

Internacional

Apuração anula destituição do presidente na Romênia

por AFP — publicado 30/07/2012 07h34, última modificação 06/06/2015 18h59
O referendo não poderá ser validado porque menos de 50% dos eleitores inscritos foram às urnas
bucareste_Bassecu ©AFP / Daniel Mihailescu

Basescu afirmou que deseja estimular a "reconciliação" na sociedade romena ©AFP / Daniel Mihailescu

 

BUCARESTE (AFP) - O referendo de domingo na Romênia sobre a destituição do presidente Traian Basescu teve uma participação de 46,13%, após a apuração de 97% das urnas, e a consulta não pode ser considerada válida.

De acordo com a legislação romena, a participação mínima exigida para que este referendo fosse validado pela Corte Constitucional era de 50% dos eleitores registrados.

Entre os romenos que compareceram às urnas, no entanto, uma esmagadora maioria de 87,55% votou a favor da destituição de Basescu, que teve apenas 11,12% de apoio, segundo os resultados anunciados pelo Comitê Central Eleitoral.

Basescu afirmou que deseja estimular a "reconciliação" na sociedade romena. Disse, ainda, compreender a revolta dos que votaram por sua destituição.

 

Leia mais em AFP Movel.

registrado em: