Você está aqui: Página Inicial / Internacional / A Argentina investiga a Petrobras por cartel

Internacional

América Latina

A Argentina investiga a Petrobras por cartel

por Redação Carta Capital — publicado 20/01/2012 11h15, última modificação 20/01/2012 11h15
Empresas são acusadas de impor um sobrepreço no combustível vendido às companhias de transporte de passageiros e carga

O governo argentino pediu uma investigação contra a Petrobras e outras quatro petrolíferas que atuam no país por suspeita de formação de cartel.
As empresas são acusadas de impor um sobrepreço no combustível vendido às companhias de transporte de passageiros e carga, em relação ao produto comercializado nos postos. De acordo com o ministro do Planejamento, Julio De Vido, o óleo diesel vendido no atacado está com o preço até 30% mais caro que no varejo. Além da Petrobras, serão investigadas a Repsol-YPF, Shell, Esso e Oil. A estatal brasileira ainda não se manifestou sobre o caso.

registrado em: ,