Você está aqui: Página Inicial / Economia / País atinge em novembro meta de 2,5 milhões de empregos

Economia

Trabalho

País atinge em novembro meta de 2,5 milhões de empregos

por Agência Brasil publicado 16/12/2010 17h35, última modificação 16/12/2010 17h35
Foram admitidos 1,57 milhão de pessoas, enquanto 1,43 milhão perderam o emprego no mês passado. Em outubro, foram gerados 204.804 empregos formais

Por Roberta Lopes, da Agência Brasil

O Brasil atingiu a meta de geração de 2,5 milhões de empregos com o resultado do mês de novembro do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). No mês passado, foram 138.247 empregos. Com isso, de janeiro a novembro, foram gerados 2,54 milhões de postos de trabalho.

.Os números foram divulgados hoje (16) pelo ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, em entrevista coletiva

Foram admitidos 1,57 milhão de pessoas, enquanto 1,43 milhão perderam o emprego no mês passado. Em outubro, foram gerados 204.804 empregos formais.

Apesar do saldo positivo de novembro, ele foi menor do que o de novembro de 2009, quando foram gerados 246.695. Lupi disse que nesse mês dois fatores afetaram as contratações. Um deles foi a entressafra e o outro o câmbio. “A queda do dólar desacelerou a produção nacional e reduziu a contratação, tendo em vista o efeito cambial”, explicou.

O setor que abriu o maior número de vagas foi o de comércio (131.336), seguido pelo de serviços (79.173). O estado que gerou o maior número de vagas foi o Rio de Janeiro (31.965) e a região com o maior número de novas vagas de trabalho foi a Sudeste (52.114).