Você está aqui: Página Inicial / Economia / CNI elogia queda dos juros

Economia

Selic II

CNI elogia queda dos juros

por Redação Carta Capital — publicado 19/10/2011 19h15, última modificação 20/10/2011 10h35
Confederação Nacional da Indústria diz que a redução da taxa de 12%, para 11,5% ajuda a manter a crise longe do mercado nacional

Minutos após o Copom (Comitê de Política Monetária) anunciar a redução de 0,5% da taxa dos juros básica (de 12% para 11,5% anuais), a Confederação Nacional da Indústria (CNI) se manifestou elogiando a decisão.  "A decisão do Copom é acertada e vem em linha com as preocupações crescentes sobre o agravamento da crise econômica mundial", diz o comunicado da entidade.

Na visão da CNI, a queda se justifica porque a crise fiscal da Europa e lenta recuperação da economia dos Estados Unidos têm boas chances de reduzir o fluxo de investimentos no Brasil, o que restringiria as condições de crédito na economia nacional.

O Copom reduziu a taxa de juros de 12% para 11,5% ao ano. O comunicado do Comitê diz que o objetivo é prosseguir com o "processo de ajuste das condições monetárias", e que, por isso, "decidiu por unanimidade reduzir a taxa Selic para 11,50% ao ano, sem viés. O Copom entende que, ao tempestivamente mitigar os efeitos vindos de um ambiente global mais restritivo, um ajuste moderado no nível da taxa básica é consistente com o cenário de convergência da inflação para a meta em 2012".