Você está aqui: Página Inicial / Economia / Câmara aprova reajuste de 4,5 % na tabela do IRPF

Economia

Imposto

Câmara aprova reajuste de 4,5 % na tabela do IRPF

por Agência Brasil publicado 06/07/2011 10h29, última modificação 06/07/2011 10h29
A MP também eleva de R$ 1.499,15 para R$ 1.566,61 a faixa de renda isenta do IRPF. A medida provisória segue agora à apreciação do Senado Federal

Por Iolando Lourenço

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira 5 a Medida Provisória (MP) 528, que reajusta a tabela do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) em 4,5 %, bem como as deduções permitidas. A MP também eleva de R$ 1.499,15 para R$ 1.566,61 a faixa de renda isenta do IRPF. A medida provisória segue agora à apreciação do Senado Federal.

Todos os destaques e emendas da oposição que pretendiam elevar o percentual de reajuste da tabela foram rejeitados nas votações em plenário.

A MP foi aprovada na forma de projeto de lei de conversão, uma vez que o relator, deputado Maurício Trindade (PR-BA), incluiu na proposta original do governo algumas mudanças, como a que permite ao empregador descontar da base de cálculo da declaração do IRPF os gastos com planos de saúde de seu trabalhador doméstico, limitado a um trabalhador por declaração e a R$ 500 por ano.

*Matéria publicada originalmente em Agência Brasil