Você está aqui: Página Inicial / Economia / BC projeta menor crescimento da economia

Economia

Projeções

BC projeta menor crescimento da economia

por Agência Brasil publicado 22/12/2011 11h36, última modificação 23/12/2011 10h12
Para 2012, a expansão será de 3,5%, diz o órgão

Kelly Oliveira*
Brasília - A projeção do Banco Central (BC) para o crescimento da economia este ano foi revisada para baixo. Segundo o Relatório de Inflação, divulgado hoje (22), a estimativa de expansão do Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todos os bens e serviços produzidos no país, foi revisada de 3,5% para 3%. Para 2012, a projeção de crescimento é 3,5%.

Neste ano, a expectativa é que agropecuária cresça 2,9%, 0,8 ponto percentual acima da estimativa anterior. A projeção de crescimento da indústria passou de 2,3% para 2,0%. O setor de serviços deverá crescer 2,9%, ante 3,5% na projeção anterior.
Para o consumo das famílias neste ano, a estimativa passou de 4,5% para 4,1%. Para o consumo do governo, passou de 2,1% para 2%. No caso dos investimentos - Formação Bruta de Capital Fixo – a projeção caiu de 5,6% para 5,1%.
As estimativas para os crescimentos anuais das exportações e das importações foram reduzidas devido à crise econômica externa. Para as exportações, a redução foi 0,3 ponto percentual - para 4,4%. Para as importações, a estimativa foi reduzida em 2,5 ponto percentual - para 10,4%.
Em 2012, a agropecuária deverá crescer 2,5%, enquanto o setor industrial apresentará expansão de 3,7%. Para o setor de serviços, a projeção é 3,3%. No caso do consumo das famílias, a estimativa é 4%, e no do governo, 3,2%. Os investimentos deverão crescer 5% no próximo ano. As exportações e importações de bens e serviços deverão aumentar, respectivamente, 3% e 7%, em 2012.
*Matéria originalmente publicada em Agência Brasil

registrado em: